Pesquisar este blog na Web

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Cidade de São Paulo, Aniversário.e História de São Paulo. Praça da Sé (1976). 25/01 aniversário da cidade de todos os brasileiros.Nuances da História da Cidade do Corinthians



Surgimento de São Paulo 
assista aos filmes na Plataforma do YouTube
ver Tambem... Clique                                                                                                                       Das bacias do Pinheiros e Tietê á Mega                                                                           Um dos grandes times que representa São Paulo                     
Corinthians, Ultimas Noticias, clique                                                                                                             Cidade dos Imigrantes 
estrangeiros, dos Migrantes Nordestinos, Nortistas , da Região Centro Oeste, do Sul e , é claro, do Sudeste. Onde muitos buscaram vida melhor e encontraram! Cidade com mais de 60% de Nordestinos que mudaram a própria história!
em 1954 Corinthians foi Campeão do Quarto Centenário de São Paulo
Grandes arranha céus!
Marcos Históricos, Vontade de desenvolver    



Das bacias do Pinheiros e Tietê á Mega ...

...São Paulo surgiu como missão jesuítica, em 25 de janeiro de 1554reunindo em seus primeiros territórios habitantes de origem tanto europeia quanto indígena. Com o tempo, o povoado acabou caracterizando-se como entreposto comercial e de serviços de relativa importância regional. Esta característica de cidade comercial e de composição heterogênea vai acompanhar a cidade em toda a sua história, e atingirá o seu ápice após o espetacular crescimento demográfico e econômico advindo do ciclo do café e da industrialização, que elevariam São Paulo ao posto de maior cidade do país.
  *Como já foi dito em muitos documentários: ¨Um povo que não conhece sua História esta fadado a repetir os mesmos erros¨  E tem erro que são irreversíveis. 
Conheça o Trajeto desse importante Rio que ainda pode ser recuperado e servir para transportes

Trajeto do Tietê
Em 1532Martim Afonso de Sousa funda, no litoral de São Paulo, a primeira vila brasileira, São Vicente. Donatário da capitania de São Vicente, Martim Afonso incentiva a ocupação da região e outras vilas são criadas no litoral (Itanhaém1532Santos1546). Poucos anos depois, vencida a barreira representada pela serra do Mar, os colonizadores portugueses avançam pelo planalto Paulista, estabelecendo novos povoados. Em 1553João Ramalho, que vivia no planalto desde antes da criação de São Vicente, funda a vila de Santo André da Borda do Campo, situada no caminho do mar (atual região do ABC paulista). Explorador português, João Ramalho era casado com a índia Bartira. Esta, por sua vez, era filha do cacique Tibiriçá, chefe da tribo dos tupiniquins.[1] João Ramalho encontrava-se, dessa forma, apto a exercer a função de intermediário dos interesses portugueses junto aos indígenas.

A importância das Origens
Como já foi dito em muitos documentários: ¨Um povo que não conhece sua História esta fadado a repetir os mesmos erros¨  E tem erro que são irreversíveis. 

                                          Rio Pinheiro
Ocupação: Desde o início, a ocupação das terras da cidade se deu de forma policêntrica, com diversos aldeamentos, principalmente jesuítas mas também de outras ordens eclesiásticas, em torno das quais iniciavam-se as aglomerações. A motivação mais natural para isso, em São Paulo, era o relevo da cidade, com muitos aclives e riachos. A organização urbana, da mesma forma que em toda a colônia, era centrada, administrativa e eclesiasticamente, nas paróquias. Cada paróquia era centrada em uma capela.[10]
A primeira paróquia foi, naturalmente, a Freguesia da Sé, fundada em 1589. Conforme os demais núcleos foram crescendo, eles desmembraram-se, com novas capelas ganhando status de paróquia. As paróquias desmembradas do centro foram[10]:
Além dessas, houve diversos aldeamentos mais distantes. Dentre eles, apenas dois prosperaram: o de Pinheiros e o de São Miguel, ambos fundados por José de Anchieta em 1560[10]. Diversos aldeamentos foram dizimados pela varíola, dentre os quais podemos citar: ItaquaquecetubaMboyItapecericaBarueriGuarapirangaCarapicuíbaIbirapuera e Guarulhos.[10]
São desta época os primeiros caminhos: o que ia ao Campo do Guaré (hoje chamado bairro da Luz) tornou-se a atual Florêncio de Abreu. Os outros dois dariam origem às hoje denominadas rua 15 de Novembro e rua Direita.
Também no século XVI são fundadas novas igrejas: a Matriz, em 1588 (primeiro protótipo da Sé paulistana), a de Nossa Senhora do Carmo, de 1592 (demolida em 1928), a Igreja de Santo Antônio (ainda hoje na Praça do Patriarca), e a capela de Nossa Senhora da Assunção, por volta de 1600 (que daria origem ao atual Mosteiro de São Bento). Um viajante chegando à cidade nas primeiras décadas do século XIX veria algo como:
A base da alimentação nos primeiros tempos era formada pela canjica, ensinada pelo índio, e o angu de fubá ou de farinha de milho e de mandioca. Convenientemente que esses alimentos não precisavam de sal, que naquela época era raro. A mandioca, que era o principal alimento no início do aldeamento, foi aos poucos sendo superada pelo milho. O trigo, embora desse bem na região, não foi muito utilizado no início - apenas para hóstias e bolinhos - devido a facilidade de se obter a mandioca e o milho. Apenas nos primeiros anos do século dezessete que se iniciou uma produção maior de trigo, com pelo menos cinquenta plantadores de trigo no planalto e diversas licenças da Câmara para os moradores fazerem seus próprios moinhos.[11]
Além desses alimentos-base, poderia-se encontrar frutas bravas e selvagens, palmitos e outros alimentos encontrados nas roças dos índios[12], bem como muitas frutas européias como maçãs, pêssegos, amoras, melões e melancias.[13] A cultura da vinha também teve desenvolvimento nos primeiros anos, sendo que se encontrava sempre muito vinho na vila, a não ser quando os comerciantes espertos tentavam o açambarcamento. Esses vinhos muitas vezes eram utilizados como remédio, servindo de veículos para plantas medicinais. O mesmo se dava com a cachaça que era produzida na região.[11]


                                         Das várzeas nasce o Bairro de Perdizes
Os Bandeirantes: No século XVII (17), as atividades econômicas da vila limitavam-se quase que exclusivamente à agricultura de subsistência. A produção e exportação de açúcar não tinha grande desenvolvimento, embora crescessem outros cultivos nos arredores da vila, como o de trigo, mandioca e milho, além da criação de gado. Não obstante, São Paulo permanecia como um núcleo de povoamento pobre e isolado das áreas mais dinâmicas da colônia. Assim, já nas primeiras décadas do século, os paulistas começaram a organizar as bandeiras – grandes expedições que partiam em direção aos sertões inexplorados da colônia, em busca de mão-de-obra indígena, pedras e metais preciosos. Em pouco tempo, os bandeirantes se tornariam os grandes responsáveis pela ampliação dos limites das fronteiras da colônia, incorporando ao território do Brasil inúmeras áreas que, de acordo com o Tratado de Tordesilhas, pertenciam à Espanha.
Os bandeirantes se tornariam figuras centrais na história política de São Paulo no século XVII (17), e a Igreja Católica e da própria coroa portuguesa. Em 1640, a forte oposição dos jesuítas à captura e comercialização da mão-de-obra indígena promovida pelos bandeirantes levou a uma série de conflitos entre os dois grupos, que culminariam, em 13 de julho daquele ano, com a expulsão dos jesuítas de São Paulo, medida que teve apoio dos comerciantes da vila. Os jesuítas só obteriam permissão para retornar a São Paulo em 1653.
autoridade local dos exploradores por vezes sobrepujava os interesses da 

Aclamação de Amador Bueno, 1909. Pintura de Oscar Pereira da Silva.
É também na vila de São Paulo que se registra, no mesmo ano de 1640, o primeiro movimento nativista do Brasil, a chamada "Aclamação de Amador Bueno". Com o fim da Guerra da Restauração, em que Portugal restabeleceu sua independência política da Espanha, os moradores de São Paulo, principalmente bandeirantes e comerciantes, temiam ser prejudicados, já que haviam se beneficiado economicamente do contrabando de índios na região do rio da Prata durante as décadas em que vigorou a União Ibérica. Como forma de protesto, declararam São Paulo reino independente, e Amador Buenocapitão-mor, rico morador da vila e irmão do bandeirante Francisco Bueno, é aclamado como rei. Amador Bueno, no entanto, rejeita o título e jura fidelidade à coroa portuguesa, encerrando o levante.
Em um primeiro momento, a concentração da atividade bandeirista em São Paulo fomentou, ainda que de forma tímida, a atividade econômica da vila, que ensaia exercer, pela primeira vez, a posição de entreposto comercial. Alguns bandeirantes, enriquecidos com o comércio de escravos indígenas, faziam benfeitorias na vila. Fernão Dias, eleito juiz ordinário e presidente da Câmara Municipal, por exemplo, doou aos monges beneditinos os recursos necessários para a reconstrução do Mosteiro de São Bento. Outras ordens religiosas se instalariam na cidade no século XVII, como os franciscanos, que em 1647 haviam inaugurado o convento (demolido em 1932, para dar lugar à Faculdade de Direito) e a igreja de São Francisco, no largo homônimo.






A Avenida mais Importante de São Paulo e do Brasil onde todos os Negócios acontecem
Avenida Paulista
A certidão de desenvolvimento ou VOCAÇÃO de ser grande

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Como fazer ou como se faz pão de Iogurte. saudável e fácil de faze para o café de agora

Pão de Iogurte 
Verdade!   Água na boca. Pão de Iogurte e você escolhe o sabor. Fácil de fazer.
    Saúde ao seu alcance aqui em nosso Blog.

    Dica: Deguste com requeijão. Você terá um alimento completo.


sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Deus existe? o que você pensa sobre o assunto.... Resumo


Exposição completa clic aqui


:
  Superstição é obra do acaso e não é fato cientifico , ciência é algo correlato com a repetição  de um experimento ou ato inúmeras e exaustivamente vezes sempre conquistando os mesmos resultados em um mesmo ambiente. Deus não aprova a superstição e a ciência não discute o sobrenatural (sobrenatural é algo inexplicável que ocorre e, quase sempre, deixa vestígios incontestáveis), logo podemos dizer que Deus é, também, o maior de todos os cientistas por ser eterno e sobrenatural além de poder realizar suas obras o quanto Ele quiser!  A ciência não pode "provar" a existência de Deus, porem não nega seus feitos repetidos e os reconhece! Se alguém pudesse provar a existência de quem é infinito, logo esse alguém não seria Deus!
   Nesse balaio da lógica e silogismo pergunto aos ateus de plantão onde esta a prova de que não há Deus? Só para lembrar: a lógica é mãe de todas as ciências!
   O que é preciso é não confundir a existência de Deus com as misticas deturpações de falsas teologias e interpretações dEle? Se a ciência não pode explicar o Sobrenatural, como pode provar que ele não existe:
   Comece entendendo que existem dois mundos, dois universos. O  Kronos ( Cronos) e o Kairós (Cairos). A definição completa de ambos é complexamente estança para se colocar aqui, mas , por definição simplificada Cronos é o ¨tempo existente¨tempo corrente onde o tempo é ¨contado¨ por frações de segundo, segundos, minutos, horas, dias , meses, anos e por ai a fora. Esse é o ¨espaço cósmico em que vivemos, O nosso Universo. Portanto é um lugar com início e fim.
    O segundo plano, Cairos, totalmente desconhecido por nós, não há tempo nem início e nem fim! Também chamado de sobrenatural. Alguns também o chamam de ¨outra dimensão¨ ou Quarta dimensão¨. Alguns já admitem que é de lá que vem os ¨extra terrestres¨ ou espíritos como anjos e demônios. Não há nada comprovado sobre o Cairos cientificamente. O infinitamente pouco que se sabe, além de efeitos de OVNIS são as informações Bíblicas e ou míticas. Porem uma coisa é quase unanime: É lá o lugar de Deus e o infinito onde Ele sempre existiu, existe e existira. Lá o tempo não existe, não tem começo nem fim!
    Pensando nessas duas situações como plausíveis e reais e não sabendo nada sobre o Cairos, temos que admitir que fica impossível refutar a existência de Deus! Se expusermos a complexidade dos dois Universos em detalhes (ao menos os que temos) você vai notar que a existência de Deus é real. mesmo a ciência vem declinando quanto a Sua inexistência, o próprio Einstein afirmou sobre a existência de um Inferno, As teoria do ¨Buraco de Minhoca¨ e enfim uma serie de ¨fenômenos inexplicáveis¨ . Agora podemos entender melhor o porque não podemos dar espaço a superstições e achismos e olha que teorias se encaixam nas leis do achismo porque a maioria nunca foi comprovada.
Filosofia não se explica, se reflete!
Todos somos Flores solitária! É! Até você que esta rindo de um homem dizer isso...  por que?  Porque fomos plantados num grande Jardim, todos juntos e bem unidos. Aconteceu que com o tempo uma flor se achou mais especial do que a outra e lançou suas sementes para longe. Assim nos afastamos do Jardineiro e seu lindo, pacifico e amoroso jardim.
   Claro! Se somos as Flores o Jardineiro é Deus que nos deu esse "direito" ou "livre arbítrio"

     Já fui cético em certo tempo até que ¨coisas¨ começaram a acontecer em minha vida.. Foi estudando a Bíblia por minha ¨conta e risco¨que comecei a entender muitas coisas. se eu entrar nesses detalhes, acredite, esse Blog não terá espaço. Li pilhas de livros do tipo ¨Eram os Deuses Astronautas:¨ , mas somente um fala da eternidade de nosso ser.... a Bíblia! É por isso que o convido para ver algumas informações sobre a Bíblia mesmo que você leia com ceticismo. Abaixo dos filmes que vem a seguir estão os mais simples porém mais esclarecedores informes sobre a Bíblia.




    Veja o que diz uma de nossas seguidoras, também Blogueira, pessoa atualizada:
+Peres
1 semana atrás

+
2
1
2
 
Responder


A partir do momento que você aceita a Jesus como seu Unico Salvador você nasce para uma nova criatura " Pois ninguém vem ao Pai senão por mim" há propósito ah música the sound of silence presta atenção na letra é muito interessantehttps://lh3.googleusercontent.com/_puolhlyT0WbOfIABjjWfoYV_fTxsPg6Ku6a6ixObTF02dnbuzX5-5C9rXgKucug3PE0RJL4Vbk  Clic aqui
Comunidade de Blogger no G+ Comunique seu Blog

sábado, 5 de janeiro de 2019

Novas sobre o Ceará 17/01/2019 Recebi a ameaça e avisei,Primeira vítima constatada, veja vídeo. Igreja do Ceará sob ameaça : Eclesiofobia. O que será xenofobia para os radicais seguidores de Stroitks: Colocar a Bíblia como ¨porrete¨já é demais.

Eles caem nas próprias acusações com imagens subliminares e hereges. Assim passam suas mensagens ao crime organizado.
novidade sobre Ceará
Avisei a , pelo menos , quatro pastores! Poderiam ter pedido auxilio preventivo a polícia. Ninguém fez nada. Essa história de que tudo é fake news ainda vai acabar em tragédia!veja esse vídeo
   
Baderneiros anônimos estão espalhando, via Whatsapp, um áudio afirmando que evangélicos são a favor de massacrar prisioneiros  no Ceará e excitando os manifestantes a destruírem Igrejas por esse motivo. A mensagem subliminar esta em que utilizam as denominações, com sutileza, Igreja Universal, Mundial e da Graça que tem uma certa rejeição popular. Isso leva os leigos a colocarem, no mesmo pacote, denominações sérias e que nada tem a ver com onda de violência e favoritismo a pena de morte e maus tratos a presidiários. Essa pratica terrorista, que sabemos de onde procede, é perigosa e pode causar morticínio de inocentes, fato que deve ser investigado pela Polícia Federal. Não me surpreenderia se constatassem que tais áudios provem de certo partido derrotado e que não aceita derrotas!


    Nem nos filmes sobre Jesus e muito menos na Bíblia vi ordens de que ela fosse utilizada como um ¨porrete¨ emocional. Muito pelo contrario Jesus diz ¨se te derem um tapa no rosto de a outra face... se levarem tua túnica , de também suas alparcas...¨ e dai por diante. Nem os Apóstolos pregaram intolerância.
     O que a Bíblia faz é dizer o que é pecado ( tudo que contraria a vontade de Deus ) e como resistir a ele (o pecado), mas não se prevalecer de qualquer tipo de flagelo para combate-lo. O único flagelo, se é que podemos chamar assim, é controlarmos nossas vontades contrária a Vontade de Deus!
       A cena acima é tipica de quem deseja inverter fatos, pois se prevalecem de alguns exaltados isolados para cria-las! A maioria dos seguidores de Jesus não tem essa ideia de condenação que desejam passar na imagem, muito pelo contrario, a maioria , que quase não aparece, prega amor e tolerância como Jesus fez e mostro acima.
       Homens erram, Deus não... fato! A Igreja, como um todo, e me refiro a chamada ¨Igreja invisível¨ que é o conjunto de pessoas que seguem, serve e querem obedecer a Jesus da maneira correta pregando PAZ! Não há o que errar, por exemplo: se o Iluminismo existe, foi graças a reforma que quebrou paradigmas da Igreja dominante e abriu portas as ciências e arte! É História e não há como negar!
       A imagem acima demonstra uma louca e perigosa revolta que tem como objetivo atingir as pessoas ditas ¨neutras no contesto (LGBT) ideologia de gêneros¨. Alias, como se trata de uma ideologia, cadê a tese cientifica que a respalda?  Considerando essa imagem e os lideres que são ou neutros ou inocentes quem é o xenófobo nessa história? Usar a Bíblia como ¨porrete¨ é um desrespeito a fé, o que é inconstitucional! Por que os LGBTs não atacam de igualdade os Skin Hads por exemplo? Existem outra micro comunidades mais perigosas que não estão no contexto da imagem acima! Na imagem , também, não há nenhum personagem especifico que desagrade aos LGBTs, mas há a Bíblia... por que? E o sangue que significa morte literal?   Quando um seguidor, verdadeiro, de Jesus matou um homossexual, uma bissexual ou afins?
     Há muito tempo atrás fiz uma matéria onde eu e outros ¨visionários¨ dizíamos aos dois lados para ter cautela. Agora o partido que me enoja usa a figura dessas pessoas contra quem apoiou o Presidente Bolsonaro! Golpe baixo!  Criticas servem para ser ouvidas e acatadas ou não, mas a usam como forma de ¨contra-violência¨ em sua respostas. Se a Igreja aborda dentro de suas paredes a questão do homossexualismo e afins é porque esta na Bíblia e aborda-se de forma amorosa e didática!

      Quem entende argumentação como violência  deve voltar a escola e estudar Comunicação e Expressão! A ideia contida nas igrejas que seguem, ou se esforçam para seguir, a Jesus não é e nunca foi de agredir nenhum ser como nessa imagem (religiões Afro) ao lado direito. Na verdade o intuito é o mesmo. Mostrar onde o ser humano caiu, porque e como Deus nos restaura em Cristo. Eu fui de vários templos Afro-religiosos e nunca ninguém me atacou com palavras. Sempre fui aberto a analisar argumentos, não que ninguém tenha conversado, sobre, comigo, porem é tudo uma questão de educação e postura! Cada um é o que quiser e colhe daquilo que plantou em si mesmo. Agora aberração é essas imagens subliminares que escondem um crime constitucional que são tipicas de quem não sabe argumentar e pensa que só ele(a) tem a resposta certa! Se você acredita em Deus , a resposta certa esta com Ele. se você não acredita na Bíblia, não pode dizer que acredita em Deus, pois estaria afirmando, como essas imagens, que Ele não é poderoso para manter seu Livro Sagrado intacto com Suas mensagens! Simples assim, não há discussão, ou você aceita ou não aceita, pois a Bíblia te da a livre escolha quando diz que cada um dará conta de si... posto que a Palavra foi pregada!              Bom 2019

   Comente essa matéria, inscreva-se no canal, coloque se gostou ou não desse esclarecimento em um dos três quadrinhos abaixo... indique a outras pessoas e podemos abrir um debate sem problemas e ofensas.

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Silvio_Pudim de gelatina com leite condessado e e creme de leite - Pudim de Leite Que Não Vai ao Forno Com leite condensado, creme de leite, leite e gelatina, você faz esta sobremesa maravilhosa


Super... Pudim de Leite que não vai ao forno



Ingredientes

  • 2 latas de leite condensado
  • 2 caixinhas de creme de leite
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1 envelope de gelatina em pó sem sabor
  • 2 colheres (sopa) de açúcar para caramelar a forma

3H 0MIN  12 PORÇÕES

Modo de Preparo





  1. Hidrate e dissolva 1 envelope de gelatina em pó sem sabor em 1 xícara (chá) de leite.
  2. Num liquidificador coloque 2 latas de leite condensado, 2 caixinhas de creme de leite e a gelatina já hidratada e dissolvida no leite e bata bem até formar uma mistura homogênea.
  3. Transfira esta mistura para uma forma de pudim caramelada com 2 colheres (sopa) de açúcar e leve para gelar por +/- 3 horas. Desenforme e sirva em seguida.
  4. OBS.: Se quiser mais calda, numa panela coloque 1 xícara (chá) de açúcar e deixe derreter e ficar com cor de caramelo. Despeje 1 xícara (chá) de água, deixe o caramelo dissolver e chegar no ponto de calda grossa (10 minutos). Espere esfriar antes de jogar sobre o pudim.
  5. DICA 1: Mantenha as caixinhas de creme de leite na geladeira para que quando você for utilizá-las seu aproveitamento seja total. Quando você abrir a caixinha, o creme de leite vai estar firme e sairá todo de uma vez, sem precisar ficar raspando a embalagem.
  6. DICA 2: Se quiser acelerar o endurecimento do pudim coloque por 1 hora o pudim no freezer e depois transfira para a geladeira.
  7. DICA 3: Não aqueça o fundo da forma para desenformar o pudim, apenas passe uma faca levemente aquecida na lateral do pudim para ajudar a soltá-lo. Depois, vire a forma sobre o prato de servir e desenforme.

  8. Link do Pudim em video para você não errar em vídeo
Volto a comentar que, também, essa receita pode ser considerada ecológica por queimar pouco gaz e emitir quase nada de carbono, pois utiliza pouco fogão! deliciosa e ecológica

Gostei dos looks Como fotografo tenho que estar atualizado! Experimente looks com estampas leves, floridas com fundo verde claro e semi transparentes

Super